Notícias
Home Espécies Ministro recebe o presidente da Associação Brasileira de Aquarofilia (ABLA)

Ministro recebe o presidente da Associação Brasileira de Aquarofilia (ABLA)

Ministro recebe o presidente da Associação Brasileira de Aquarofilia (ABLA)
Vote neste artigo

Ministro recebe o presidente da Associação Brasileira de Aquarofilia (ABLA)

O Ministro Helder Barbalho recebeu no dia 27 deste mês em seu gabinete, o presidente da Associação Brasileira de Aquarofilia (ABLA), Ricardo Dias. Na ocasião, Ricardo apresentou a cadeia produtiva dos peixes ornamentais ao ministro e ressaltou a importância do fortalecimento desse nicho para o crescimento do setor pesqueiro como um todo, devido ao seu alto valor agregado.

A atividade ornamental tem um grande potencial para alavancar a atividade pesqueira, por ser um celeiro de espécies de interesse mundial. Certamente, com um ministro que representa o Estado do Pará, o qual representa 84% das exportações, a atividade terá a devida dedicação por parte do MPA”, disse Dias.

Mundialmente, o comércio de peixes ornamentais movimenta cerca de 350 milhões de exemplares por ano, e destes, 90% são criados em cativeiros, ou seja, em fazendas de piscicultura.

  Colabore conosco ou ajude a aperfeiçoar esse material. Utilize o campo de comentários para tirar dúvidas e interagir sobre esse assunto. Fonte: MPA

Sintam-se à vontade para corrigir, complementar e compartilhar a sua experiência conosco. Utilize o campo de comentários para tirar dúvidas e interagir sobre esse assunto. Faça parte deste time, colabore conosco!

Sobre AquaA3

Somos um site de aquarismo feito por pessoas que respiram quase que sempre debaixo d’água. Dulcícola ou marinho, nano ou jumbo, plantado ou apenas peixes. Parceria, união e o verbo somar. É assim que fazemos aquarismo. Faça parte deste time!

Veja também

Morre especialista em peixes tropicais, Dr. Herbert Richard Axelrod.

Morre especialista em peixes tropicais, Dr. Herbert Richard Axelrod.5 (100%) 1 voto Faleceu no dia …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *