Vídeo: Peixe Baiacu não abandona o seu companheiro preso em rede de pesca

As inúmeras redes de pesca, algumas com dezenas de metros, perdidas no fundo do mar, muitas vezes continuam pescando e podem seguir, por décadas, matando animais frequentemente, sem trazer benefícios a ninguém. A falência da pesca deve-se também a estas armadilhas macabras que transformam paraísos marinhos em cenários de terror.

Baiacu preso em rede

A cada dia aumenta a quantidade de material de pesca perdido ou abandonado no mar, gerando emboscadas aos animais aquáticos. Costumamos chamá-las de redes fantasmas, porém seria mais adequado chamá-las de “monstros”. Numa proporção semelhante ao crescimento destas ameaças, observamos o desaparecimento dos peixes e lagostas, que estes monstros ficam matando 24 horas por dia.

Peixe-não-abandona-companheiro

Infelizmente é comum e fácil de encontrar um animal preso em alguma dessas redes deixadas no mar. Mas, graças a dois ativistas, da ONG Core Sea, o destino de dois amigos foi diferente. Eles resgataram um peixe que estava preso, enquanto o outro ficou esperando aflito. A cena foi surpreendente, confira o vídeo.

Peixe Baiacu não abandona o seu companheiro preso em rede de pesca!

O vídeo no Youtube, com milhares de acessos, mostra aparentemente um casal de peixe baiacu-de-espinho (Diodon holocanthus). Um deles não abandonou o seu companheiro preso na rede, até o ativista, com um pedaço de caco de vidro, conseguir soltar o animal. Os dois foram embora nadando livremente e juntos!

Peixe Baicu não abandona o seu companheiro

Final feliz!

Fonte do vídeo: Core Sea/Youtube

Deixe um comentário