Notícias
Home Dulcícola Conheça Lucas, um peixe que brinca e gosta de carinho

Conheça Lucas, um peixe que brinca e gosta de carinho

Conheça Lucas, um peixe que brinca e gosta de carinho
3.43 (68.57%) 7 votos

peixe lucas petfish

O animal tem nove anos de idade e vive em uma loja de peixes no Centro canela-verde.

Peixe de estimação ou petfish. Você já imaginou ouvir isso antes? Para quem ainda não sabe, peixes também podem ser domesticados. E no Centro de Vila Velha existe o Lucas, que chama a atenção de quem passa em frente a uma loja de peixes ornamentais na região. Vídeo no link ou logo abaixo.

peixe_lucas_pet_fish_vila_velha2A sócio-proprietária da empresa, Maíra Cristina Sassi, de 37 anos, está com o Lucas há cerca de 3 anos, mas o animal tem 9 de idade. Maíra explica que o peixe chegou por uma doação de uma cliente que não tinha espaço para ele dentro de casa. “No começo ele já se mostrou bem amistoso com a gente, brincando”, afirma. Veja também: Flowerhorn igual um cachorrinho

Lucas, o petfish

Lucas é uma espécie da família Ciclídios, conhecida por ter uma elevação na cabeça que é semelhante ao cupim no boi, indicando que o peixe é macho. Maíra explica que é mito dizer que peixes não interagem com os donos. Ela afirma que os animais podem ganhar condicionamento até para fazer alguns truques como cães e gatos. “Dizem que é bonitinho só porque é colorido, mas não é só isso. Todos os peixes interagem, mesmo tendo grau menor ou maior. O peixe pode ser um pet bem interessante”, lembra.peixe_lucas_pet_fish_vila_velha3

Lucas é a atração da loja especializada em peixes Áquário e Arte, no qual Maíra é sócia. De acordo com ela, Lucas chegou da forma que é pois a dona brincava com ele. Maíra ressalta que há diferença entre o treinamento de um peixe ao de um cão ou gato, entretanto é parecido. “Para treinar cães, tem os petiscos para agradar. O peixe é a mesmo coisa, fazendo um som, dando petiscos, um agrado para ele que é feito o condicionamento para que aprenda a ser como o Lucas”, diz.

Maíra diz que a prova do comportamento natural do peixe é dada quando ela esquece de brincar com ele. Lucas fica agitado e até joga água para fora do aquário. “Uma vez ele ficou tão agitado que jogou o brinquedo (um peixinho de plástico) para fora do aquário”, completa a empresária.peixe_lucas_pet_fish_vila_velha4

Para ter um peixe como o Lucas em casa dá um pouco de trabalho. A espécie, conhecida popularmente como Midas (Amphilophus citrinellus), é relativamente grande, o que obriga o dono a reservar um espaço para colocar um aquário confortável para ele. O preço do peixe chega a R$ 40 quando novo. A expectativa média de vida de peixes como o Lucas é de 16 anos.

Você repórter, colabore conosco. Sintam-se a vontade para corrigir, complementar e compartilhar a sua experiência com conosco. Utilize o campo de comentários para tirar dúvidas e interagir sobre esse assunto. Fonte : Kaique Dias/Gazeta Online

Fonte: Gazeta Online

Sintam-se à vontade para corrigir, complementar e compartilhar a sua experiência conosco. Utilize o campo de comentários para tirar dúvidas e interagir sobre esse assunto. Faça parte deste time, colabore conosco!

Sobre Raphael Silveira

Sou estudante de Ciências da Computação pela Universidade Federal de Viçosa e aquarista desde quando me entendo por gente. Sou fã de todos os tipos de aquários. Atualmente administro a página Aquarismo Viçosa no Facebook.

Veja também

Cavalo seria o novo ancestral do peixe, diz professor

Cavalo seria o novo ancestral do peixe, diz professor 5 (100%) 1 voto O cavalo …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *