Notícias
Home Dulcícola Órgãos criarão centro de Conservação dos Peixes Ameaçados da Amazônia

Órgãos criarão centro de Conservação dos Peixes Ameaçados da Amazônia

Órgãos criarão centro de Conservação dos Peixes Ameaçados da Amazônia
5 (100%) 1 voto

O plano de Conservação dos Peixes Ameaçados da Amazônia também contemplará duas espécies de raias.

Por ICMBio — O Centro Nacional de Pesquisa e Conservação da Biodiversidade Amazônica (Cepam), do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), realizou entre os dias 17 e 19 de abril, em Manaus, a Oficina Preparatória do Plano de Ação Nacional (PAN) para a Conservação dos Peixes Ameaçados da Amazônia. Esse será o primeiro PAN voltado exclusivamente aos peixes ameaçados da Amazônia. Segundo o Cepam, a bacia amazônica ocupa uma área superior a 5 milhões km², onde 85 espécies de peixes ósseos encontram-se ameaçados de extinção, sendo que 37 delas ainda não possuem Planos de Ação.

Conservação dos Peixes Ameaçados da Amazônia

A reunião preparatória é o primeiro passo para planejar as oficinas que devem ser realizadas para elaboração participativa do PAN. Neste primeiro encontro, já foi elaborada uma lista de espécies a ser contempladas no PAN, que, abrigará também duas espécies de raias e um lagarto, cujas ameaçadas são comuns aos peixes ameaçados. Nesta lista também aparece o Hypancistrus zebra (foto), que uma espécie de peixe endêmica do Brasil e ocorre na região da Volta Grande do Rio Xingu, no Pará. Sua principal ameaça até 2004 foi a coleta excessiva para o comércio internacional de peixes ornamentais. Atualmente, entretanto, está relacionada à construção da usina hidrelétrica Belo Monte, já que sua área de ocorrência (392 km2) está totalmente incluída na área diretamente afetada pela hidrelétrica.

Elaboração de PANs

A elaboração de Planos de Ação Nacionais (PAN) para a conservação de espécies ameaçadas é feita de forma participativa, utilizando metodologia própria da Coordenação de Planos de Ação do ICMBio, que segue as diretrizes da União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN). Nesta primeira oficina no mês de abril, contou com 19 participantes, incluindo a Diretoria de Pesquisa, Avaliação e Monitoramento da Biodiversidade (Dibio), com representantes da Coordenação de Estratégias para Conservação e representantes externos, como da Organização do Tratado de Cooperação Amazônica (OTCA), do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia e do Museu Emílio Goeldi.

Segundo o Cepam, na reunião preparatória foram definidos o fio lógico, a lista de participantes e as necessidades logísticas da primeira oficina de elaboração do PAN. A previsão para essa primeira oficina é entre os dias 8 e 11 de outubro de 2018.

Sintam-se à vontade para corrigir, complementar e compartilhar a sua experiência conosco. Utilize o campo de comentários para tirar dúvidas e interagir sobre esse assunto. Faça parte deste time, colabore conosco!

Sobre AquaA3

Somos um site de aquarismo feito por pessoas que respiram quase que sempre debaixo d’água. Dulcícola ou marinho, nano ou jumbo, plantado ou apenas peixes. Parceria, união e o verbo somar. É assim que fazemos aquarismo. Faça parte deste time!

Veja também

Morre o conhecido criador de Acará-disco Jack Wattley

Morre o conhecido criador de Acará-disco Jack WattleyVote neste artigo O notório criador de Acarás-disco …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *