Notícias
Home Marinho Fundo do mar estimula os pacientes no tratamento contra o câncer

Fundo do mar estimula os pacientes no tratamento contra o câncer

Vote neste artigo

Design do fundo do mar estimula os pacientes no tratamento contra o câncer.

A criação de um espaço alegre e lúdico para crianças e jovens em tratamento contra o câncer tem incentivado os pacientes a enfrentar doença, é o que acreditam 88% dos profissionais da saúde de acordo com uma pesquisa desenvolvida pelo Instituto Desiderata. A estratégia de ambientação do Aquário Carioca foi criada há oito anos. O design do espaço garante ainda o aumento na satisfação com o ambiente de trabalho para quase 63% dos profissionais.

Fundo do mar estimula os pacientes no tratamento contra o câncer
Fundo do mar estimula os pacientes no tratamento contra o câncer. (Créditos: Instituto Desiderata)

Questionados pela pesquisa, 77% dos familiares e usuários apontaram que há a diminuição da dor nos espaços ambientados. Para 86% dos usuários, o design e o entretenimento ajudaram a passar o tempo mais rápido. A estratégia apoia ainda a diminuição da ansiedade para 83% dos pacientes e em 80% cuidadores.

Ambiente temático em sala de quimioterapia
Ambiente temático em sala de quimioterapia (Créditos: Instituto Desiderata)

O oncologista pediatra, Dr. Fernando Werneck, que trabalha no Aquário do Hospital Federal dos Servidores, afirma que os hospitais que possuem os Aquários trazem o bem-estar dos pacientes e o entusiasmo da equipe médica.

As crianças se sentem bem, elas têm prazer de ir para o hospital porque vão ter coisas que vão gradar ela bastante. A equipe também se sente mais entusiasmada, as famílias ficam mais satisfeitas vendo que a equipe trabalha melhor e que o filho também gosta de estar lá. É um ambiente mais agradável, de uma visão mais lúdica, mais agradável de se trabalhar porque você passa a ter um convívio mais social com as pessoas do que quando é um local com paredes brancas e sujas”, disse Werneck.

tratamento contra o câncer
(Créditos: Instituto Desiderata)

Para a mãe Francisca Salete Alves Rodrigues, o atendimento recebido pela filha Maria Gabrielle, que hoje tem 14 anos, foi surpreendente. A menina começou a frequentar o Hospital Federal dos Servidores, no Centro do Rio, em novembro de 2013, quando descobriu um tumor na cabeça.

Graças a Deus, desde os primeiros dias que ela entrou lá, ela foi muito bem atendida e acolhida por todos. Até hoje eles têm um carinho muito grande por ela. Algumas crianças ficam com um pouco de receio, mas ela [Maria Gabrielle] ficou bem, ela ajuda e dá força para as outras crianças entrarem e fazerem os exames. Hoje a minha filha está bem melhor. Está sendo acompanhada ainda, mas passou para o ambulatório que também faz parte do Aquário. Ela é uma guerreira”, disse Francisca Salete.

Seis hospitais receberam o projeto

Em oito anos, foram criados seis projetos de ambientação de Aquários Cariocas. Em 2007, o Hospital Federal dos Servidores do Estado recebeu o primeiro Aquário Carioca, iniciativa do Instituto Desiderata com recursos de doadores individuais, que transformou a sala de quimioterapia pediátrica em um cenário mágico de fundo do mar. No mesmo ano, o Instituto de Puericultura e Pediatria Martagão Gesteira do Centro de Ciências da Saúde da UFRJ (IPPMG/UFRJ) receberia o segundo Aquário Carioca. Já em 2008, foi a vez do Hemorio sediar a Hospedaria Juvenil, projeto em que enfermarias exclusivas para adolescentes são customizadas com games, internet e design próprios. Em 2010, o Hospital Federal da Lagoa ganhou o terceiro Aquário Carioca.

ressonância magnetica tematico
Ressonância magnética temática (Créditos: Instituto Desiderata)

Dois anos depois, em 2012, o Hospital Municipal Jesus recebeu o Submarino Carioca, uma sala de exames customizada em fundo do mar com um tomógrafo que se transformou em um grande submarino amarelo. No ano seguinte, o Hemorio ganhou um Aquário Carioca, o quarto doado pelo Instituto Desiderata em parceria com empresas e pessoas físicas. No total, Aquário e Hospedaria recebem em torno de duas mil crianças e adolescentes ao ano. Já o Submarino totaliza 3.321 tomografias de julho de 2012 até junho de 2015.

Colabore conosco. Sintam-se a vontade para corrigir, complementar e compartilhar a sua experiência conosco. Utilize o campo de comentários para tirar dúvidas e interagir sobre esse assunto.

Fonte: G1 – “Salas de quimioterapia se transformam em ‘aquários’ no Rio” / Instituto Desiderata

Sintam-se à vontade para corrigir, complementar e compartilhar a sua experiência conosco. Utilize o campo de comentários para tirar dúvidas e interagir sobre esse assunto. Faça parte deste time, colabore conosco!

Sobre AquaA3

Somos um site de aquarismo feito por pessoas que respiram quase que sempre debaixo d’água. Dulcícola ou marinho, nano ou jumbo, plantado ou apenas peixes. Parceria, união e o verbo somar. É assim que fazemos aquarismo. Faça parte deste time!

Veja também

Peixes ornamentais são apreendidos no Paraná

Vote neste artigo Peixes ornamentais são apreendidos no Paraná e o o responsável responderá criminalmente. Cinco peixes …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *