Notícias
Home Notícias Projeto de lei quer acabar com a oferta de animais como brindes

Projeto de lei quer acabar com a oferta de animais como brindes

Projeto de lei quer acabar com a oferta de animais como brindes
Vote neste artigo

As más condições a que são submetidos animais distribuídos como brinde em eventos levaram o senador Humberto Costa (PT-PE) a apresentar projeto (PLS 47/2014) proibindo essa prática.

Brindes como peixes
O projeto altera a Lei de Crimes Ambientais (Lei 9605/1998). Na avaliação do senador, existe uma lacuna na legislação sobre o tema. Para corrigir o problema, Humberto Costa acrescenta ao artigo que trata dos maus-tratos a animais o sorteio ou distribuição de animal doméstico como brinde. A pena para o crime é de detenção entre três meses e um ano, podendo ser aumentada em caso de morte do animal.

Altera a Lei nº 9.605/1998, que dispõe sobre as sanções penais e administrativas derivadas de condutas e atividades lesivas ao meio ambiente, e dá outras providências, para proibir a distribuição de animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos, a título de sorteio ou brinde.

“Esses animais, na maioria das vezes, não sobrevivem devido à falta de condições e de cuidados necessários ao seu bem-estar”, afirma o senador na justificativa do projeto. Ele lembra que a lei brasileira sempre se empenhou na proteção dos animais, o que demonstra o grande apreço e respeito do brasileiro ao direito à vida de todas as espécies. A matéria tramita na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), onde tem como relator o senador Magno Malta (PR-ES).

JUSTIFICAÇÃO
A legislação pátria sempre se empenhou na proteção dos animais, demonstrando o grande apreço e respeito do bras ileiro ao direito à vida de todas as espécies. No entanto, existe uma lacuna nessa legislação, que se relaciona ao sorteio ou à distribuição como brinde de animaisvivos. É muito comum, por exemplo, a distribuição gratuita de filhotes de animais como brinde em eventos destinados a crianças. Esses animais, na maioria das vezes, não sobrevivem devido à falta de condições e de cuidados necessários ao seu bem-estar. Cumpre, portanto, equiparar essa prática aos maus-tratos a animais, com as penas cabíveis relacionadas na Lei de Crimes Ambientais. Pelas razões expostas, consideramos de elevada importância a participação dos nobres parlamentares no esforço para a aprovação deste projeto de lei.

– Não sabemos ainda se isso vai se estender aos animais aquáticos sorteados nos eventos de aquariofilia.

Leia também: Presente de Grego

Fonte: Senado/adaptação AquaA3

Sintam-se à vontade para corrigir, complementar e compartilhar a sua experiência conosco. Utilize o campo de comentários para tirar dúvidas e interagir sobre esse assunto. Faça parte deste time, colabore conosco!

Sobre AquaA3

Somos um site de aquarismo feito por pessoas que respiram quase que sempre debaixo d’água. Dulcícola ou marinho, nano ou jumbo, plantado ou apenas peixes. Parceria, união e o verbo somar. É assim que fazemos aquarismo. Faça parte deste time!

Veja também

Apreensão de peixes ornamentais com espécies desconhecidas

Apreensão de peixes ornamentais com espécies desconhecidas4.5 (90%) 10 votos Grande apreensão de peixes ornamentais …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *